SAÚDE /

Terça-feira, 09 de Abril de 2019, 09h:49

A | A | A

4 mil pessoas aguardam por consulta oftalmológica em Primavera

Município possui apenas um profissional para atender demanda


Imagem de Capa
Pérsio Souza

Cerca de quatro mil pessoas aguardam na fila de espera para uma consulta oftalmológica pelo Sistema Único de Saúde (SUS), em Primavera do Leste. Há apenas um profissional no município para atender a demanda. Há pacientes que aguardam desde 2016 por um exame e o número não para de crescer. Na fila de espera há idosos e também crianças.

Preocupada com a saúde da filha, a moradora de Primavera do Leste Regi Moraes, relatou nas redes sociais os problemas que a criança de apenas sete anos tem enfrentado no dia a dia  devido a falta do exame oftalmológico.

“É uma tristeza. Tem gente que já tem mais de dois anos na fila de espera, as crianças principalmente que precisam de uma avaliação que estão sofrendo porque não conseguem estudar direito com dores de cabeça e saindo água dos olhos o tempo todo. Para quem tem condições de pagar um oftalmologista é fácil, agora quem não tem, igual eu e muitas outras pessoas que estão aí na fila de espera, é uma tristeza. Fui 3 horas da manhã para pegar um encaminhamento para oftalmologista para minha filha que tem 7 anos, e a médica de cara já me falou: vamos marcar por marcar porque não está tendo oftalmologista. Vou pegar minha filha na escola, meu coração parte ao ver ela com olho ardendo e reclamando de dor de cabeça...”, relatou a moradora.

Ao tomar conhecimento do caso, nossa equipe de reportagem entrou em contato com a Prefeitura para entender o motivo da demora nos atendimentos. A explicação é que a fila tem cerca de quatro mil pacientes e há apenas um profissional para atender toda a demanda.

Através de nota encaminhada via Assessoria de Imprensa, fomos informados de que a prefeitura tentou convênios com os profissionais da área na cidade, porém não teve sucesso, sob a justificativa de que a demanda nas clínicas particulares é grande.

 

AÇÕES PARA REDUZIR A FILA

Para tentar controlar a fila, 1.650 pacientes que aguardavam uma consulta oftalmológica receberam atendimento durante mutirões realizados em parceria com o Rotary Clube, Prefeitura de Primavera do Leste e Associação de Funcionários de Empresas Públicas e Privadas do Centro Norte de Minas Gerais (Asfenorte). Em cada ação foram atendidas 550.

De acordo com a Prefeitura, a justificativa para ter uma fila com cerca de quatro mil pessoas, é que muitas perdem o prazo  de três meses para aquisição dos óculos e precisam voltar às filas.

Como os mutirões só atendem pacientes acima de 9 anos, a filha de Regi terá que aguardar até ser chamada ou completar nove anos, para atender os requisitos do mutirão.

 

ATENDIMENTO PARA CRIANÇAS

A Secretaria de Saúde deu início aos testes de visão Snellen, através do Programa Saúde na Escola (PSE), em parceria com a Secretaria de Educação. O teste ajuda o Poder Público a direcionar os menores ao tipo de tratamento correto, o que facilita o acesso aos serviços. O objeto é atingir 100% dos estudantes.

Para diminuir as filas de uma forma geral, a Secretaria de Saúde tem o planejamento para realizar um mutirão até o final do primeiro semestre, em que busca-se parcerias com médicos de fora para fazer atendimento integral, com direito a consultas e exames. A data ainda não foi definida.

 

ATESTADO OFTALMÓLOGICO OBRIGATÓRIO NO ATO DA MATRÍCULA

Em novembro de 2018, o Governo de Mato Grosso anunciou que as escolas já poderiam exigir dos responsáveis o atestado de médico oftalmológico no ato da matrícula de alunos do ensino fundamental, em escolas públicas do estado.

Àqueles que não apresentarem seriam encaminhados para o Sistema Único de Saúde (SUS). Após o exame, se for constatado algum problema de visão, o aluno deverá realizar anualmente os exames no início de cada ano letivo para acompanhar o desenvolvimento. A Lei Nº 10.739 foi sancionada em agosto deste ano.

O fato de haver apenas um médico para atender a demanda levou a Secretaria de Educação de Primavera do Leste a suspender a exigência do atestado diante da matrícula ou rematrícula na rede municipal. Estima-se que 4 mil alunos frequentam o ensino fundamental em 2019.

 

CONFIRA A NOTA DA PREFEITURA NA ÍNTEGRA

A Prefeitura de Primavera do Leste informa que atualmente há cerca de quatro mil pessoas aguardando na fila da oftalmologia no Sistema Único de Saúde (SUS), em Primavera do Leste.

Apenas um médico atende pelo SUS. A prefeitura tentou convênios com os profissionais da área na cidade, porém não teve sucesso, sob a justificativa de que a demanda nas clínicas particulares é grande. Os profissionais não aceitaram atender pelo SUS.

Para tentar controlar a fila, que é crescente, desde o ano passado a Prefeitura, em parceria com o Rotary Clube, realizou três mutirões que atenderam, por vez, 550 pessoas, ou seja, 1.650 pacientes que estavam na fila foram atendidos em um ano.

No início dos mutirões, a fila era de mais de quatro mil pessoas, porém, há um índice grande de pacientes que são atendidos mas perdem o prazo de três meses para a aquisição do óculos e precisam voltar para as filas, o que resulta em um número crescente de novos pacientes aguardando atendimento.

Esses mutirões só atendem pacientes acima de 9 anos, por isso a criança mencionada não foi chamada para ser atendida nos mutirões. Para as crianças, a Secretaria de Saúde já começou um trabalho de teste de visão Snellen, através do Programa Saúde na Escola (PSE), em parceria com a Secretaria de Educação. O objetivo é atingir 100% dos estudantes. O trabalho segue até o final do ano. O teste ajuda o Poder Público a direcionar as crianças ao tipo de tratamento correto, o que facilita o acesso aos serviços.

Para diminuir as filas de uma forma geral, a Secretaria de Saúde tem o planejamento para realizar um mutirão até o final do primeiro semestre, onde busca-se parcerias com médicos de fora para fazer atendimento integral, com direito a consultas e exames. A data ainda está a ser definida. 

 

1 Comentário(s)
Isso é descaso com o cidadão.O povo não pode ser tratado.É necessário que haja planejamento para evitar esse descaso. Chega.O povo de primavera do leste não merece isso.
enviado por: Cícero Santos em 18/04/2019 às 17:42:25
0
 
0
responder

MAIS Primavera Do Leste

População pode ajudar a diminuir o número de moradores de rua

Uma opção é realizar doações ao albergue municipal. A unidade tem mais de 40 pessoas.

Rede de bombeamento de esgoto se rompe e causa transtornos em Primavera do Leste

Moradores reclamaram do odor. Concessionária diz que problema foi resolvido

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Abaixo reportagens especiais e exclusivas para os assinantes do Jornal O Diário

VANTAGEM

Conheça as vantagens oferecidas no CLUBE DO ASSINANTE DO O DIÁRIO

descontos em medicamentos, mensalidade de academias, compra de óculos, corrida de moto táxi, compra de gás de cozinha e até mesmo na conta do barzinho do final de semana. Esses são alguns dos benefícios oferecidos.

Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.