propaganda

SOLIDARIEDADE /

Sexta-feira, 26 de Junho de 2020, 06h:30

A | A | A

Empresário de Campo Verde disponibiliza geladeira solidária que funciona 24h

Na geladeira tem o slogam: “Quem pode coloca, quem precisa tira”


Imagem de Capa
Da Redação

Um empresário de Campo Verde, encontrou uma maneira muito criativa de ajudar quem precisa neste momento tão delicado, ele inaugurou bem no centro da cidade uma “Geladeira Solidária”.

 

O farmacêutico e empresário Marcio Martins, revelou que se inspirou em outras cidades do estado para implantar o projeto social em Campo Verde.  “Já tinha visto essa ideia em outras cidades, tinha vontade, mas nunca havia de fato realizado, com essa pandemia percebemos que a necessidade das pessoas tem realmente aumentado, então com ajuda de outros parceiros conseguimos uma doação da geladeira e colocamos a disposição de todos. O objetivo dessa iniciativa é matar a fome de quem precisa, naquele momento, pois percebi que muitas pessoas vinham pedir comida aqui na farmácia, sabemos que o dinheiro não é a melhor forma de garantir que essas pessoas vão se alimentar. Na geladeira deixamos a disposição sempre comidas que podem ser ingeridas na hora, marmitas, sanduíches, frutas entre outros”.

Apesar da iniciativa ser do empresário, ele disse que o projeto é de todos, pois todos podem ajudar. Na geladeira tem o slogam:  “Quem pode coloca, quem precisa tira”, e é exatamente essa sua função 24h.  As pessoas colocam os alimentos prontos para serem consumidos e as frutas na geladeira e outros que precisam buscam esses alimentos, não tem burocracia nenhuma nem para doar, nem para buscar os alimentos. “O objetivo principal é matar a fome de quem precisa, não me interessa saber quem vai colocar, e quem vai retirar, nós mantemos somente a atenção para saber o que colocaram, nós pegamos esses alimentos, selecionamos, quando necessário fracionamos e etiquetamos, com a data que colocou, pois eles têm que estar bons para consumo, no máximo um dia, para deixar sempre fresquinho para que as pessoas matem sua fome”.

O empresário frisou que a responsabilidade de deixar a geladeira sempre abastecida é dele, mas ele quer contar com a parceria das pessoas e empresas, principalmente que já lidam no ramo de alimentos, que podem fazer marmitas e doar o que sobra, que provavelmente não seria aproveitado, assim como todas as outras pessoas que tem vontade de ajudar o projeto.

Marcio ainda comentou que muitas vezes as pessoas, principalmente durante o dia tem vergonha de buscar os alimentos, então a maior procura é realmente à noite e não somente moradores de rua que procuram, muitas pessoas que estão passando por dificuldades momentâneas, devido ao desemprego.

Além da geladeira solidária o empresário ainda instalou do lado, também com a ajuda de amigos, um comedouro de ração e um bebedouro de água ao lado, para que também os animais de rua possam se alimentar. 

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz