Cursos /

Quinta-feira, 18 de Agosto de 2011, 18h:53

A | A | A

Sindicato Rural realiza NR-31

O processo de conscientização vem acontecendo e o consumidor final começa a mudar seu comportamento


O Sindicato Rural de Campo Verde em parceria com o SENAR e APROSOJA, vai realizar nos dias 22 e 23 o curso Programa Soja Plus: Oficina NR 31. O Curso PROGRAMA SOJA PLUS com objetivo de apresentar ao produtor a importância de se adotar melhorias na qualidade de vida no trabalho, além de abordar os aspectos relevantes de interesse do produtor referente à Legislação Trabalhista e rotinas do trabalho. Diversos estudos indicam que a população mundial vem crescendo e com isto haverá um aumento do consumo de alimentos, o que por sua vez impulsionará o crescimento da produção. O resultado será uma pressão crescente sobre os recursos naturais e impactos sobre o meio ambiente. Com isso, as atenções se voltam para a necessidade de mudança de atitude nos meios de produção, consumo e comportamento, visando minimizar os impactos ambientais e sociais inerentes destas ações.

O processo de conscientização vem acontecendo e o consumidor final começa a mudar seu comportamento dando preferência a produtos e serviços ambientalmente sustentáveis. Essa nova exigência faz com que os meios de produção reorganizem seus processos para atender a essa demanda.

O Brasil sai na frente por possuir uma legislação ambiental diferenciada que exige o cumprimento de regras rigorosas por parte dos produtores rurais, além de reservar boa parte do território nacional para unidades de conservação e reservas indígenas.

Nas propriedades rurais, também é exigida a proteção das áreas que margeiam os corpos e cursos d’água, nascentes, encostas e topos de morros, consideradas áreas de preservação permanente. Além destas, os produtores também devem preservar um percentual de vegetação nativa que varia de 20 a 80% conforme o Bioma, instrumento conhecido como Reserva Legal. O cumprimento do conjunto dessas medidas nas propriedades garante a proteção da biodiversidade conciliada a uma produção agrícola ambientalmente correta.

Da mesma forma, a observação da legislação social brasileira garante a proteção aos direitos dos trabalhadores e grupos sociais, uma vez que o país internalizou importantes convenções internacionais.

Dessa maneira, a rigorosa legislação ambiental e social, aliada à gestão da propriedade rural e à implementação das melhores práticas agrícolas, motivou a criação do Soja Plus. Sendo simples, voluntário e adequado à realidade do produtor nacional, o programa permitirá melhorar continuamente os indicadores ambientais, sociais e econômicos da propriedade rural de soja brasileira.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz