Política Nacional /

Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019, 00h:30

A | A | A

Gilmar quer julgar ainda este ano condenações de Moro contra Lula

Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal declarou, neste domingo (17), em entrevista ao jornal Clarín , que espera, ainda este ano, julgar...


Imagem de Capa

Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal declarou, neste domingo (17), em entrevista ao jornal Clarín , que espera, ainda este ano, julgar o recurso de defesa do ex-presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva contra as condenações impostas ao petista pelo então juiz federal Sergio Moro. 

Leia também: 'Não quero ficar falando mal de presidente', diz Lula em vídeo; assista

Gilmar Mendes arrow-options
Agência Brasil
Gilmar Mendes

"É importante que [o recurso de Lula ] seja analisado. Certamente o que surgirá no debate é se as razões que estão ali [expostas] são suficientes ou se vamos poder usar aquilo que está nas informações do The Intercept . Espero que seja ainda neste ano", afirmou Gilmar Mendes .

Leia também: Lula está livre e famosos comemoram a soltura do ex-presidente na web

A defesa do petista acusa Sergio Moro , hoje ministro da Justiça, de atuação parcial no julgamento do petista. Sobre isso, o ministro declarou que foi o próprio Moro quem colocou sua atuação sob questionamento ao aceitar um cargo no governo de Jair Bolsonaro. 

"Quem se colocou sob questionamento foi o próprio ministro da Justiça, quando optou por deixar o cargo de juiz e assumir uma função governamental servindo a [Jair Bolsonaro] que derrotou as forças de oposição e que é beneficiário, de alguma forma, de suas decisões". 

Leia também: Luciano Huck confirma que Lula usou seu avião após sair da prisão

O recurso de Lula contra Moro está sendo julgado pela Segunda Turma do STF, formada por 5 dos 11 ministros do tribunal. O caso começou a ser julgado em dezembro, mas teve o julgamento interrompido por um pedido de vista de Mendes. Por isso, para que a análise seja retomada, é preciso que o ministro devolva o processo para julgamento. 

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz