REFLEXÃO /

Sexta-feira, 11 de Outubro de 2019, 07h:00

A | A | A

Como eu aprendo?

É típico de quem só ouviu falar sobre aquilo e acha que aprendeu por osmose


Imagem de Capa
Luciene Afonso

“Ser vítima é uma das coisas mais fáceis do mundo porque seus resultados não dependem de você, é sempre o outro que precisa agir, mudar, te apoiar e se esforçar. Se você pensa e age dessa forma saiba que está bem longe de conquistar o que deseja e de encontrar a verdadeira felicidade.” Luciene Afonso.

Existe um processo de aprendizagem do ser humano que passa por 4 fases, se você se interessa em saber como tudo funciona dentro de si e de que forma pode trazer melhores resultados no seu dia a dia deve primeiro se perguntar como acontece o meu próprio processo de aprendizagem? Ser curioso neste caso é bom!

Vamos entender melhor quais são essas fases da competência. Sempre que nos deparamos com algo novo que precisamos aprender, o nosso esforço é direcionado para aquilo, não para o processo em si, não nos importamos como ele se forma na nossa mente, geralmente o que nos interessa é o resultado final. Um exemplo disso é se eu te pedir para me explicar como aprendeu a dirigir na autoescola e quais foram os passos, certamente terei de você uma narrativa de todas as suas ações até o dia que fez a prova prática e passou, conseguindo a tão sonhada CNH.

Você se lembrará facilmente do momento que estava aprendendo e depois quando já aprendeu. O que não fica claro para você e para a maioria das pessoas é que passamos por 4 fases para adquirir cada aprendizado são elas: incompetente inconsciente, é onde tudo começa, você não sabe nada sobre o assunto, pensa que é fácil e acredita que pode conseguir.

O que você ainda não tem ainda é consciência de tudo o que precisa aprender para realizar a ação, é curioso apenas e está bastante interessado no processo.

É típico de quem só ouviu falar sobre aquilo e acha que aprendeu por osmoze. A partir daí você passa para a próxima fase incompetente consciente é quando o não saber algo começa a pesar, você percebe que são muitos os passos necessários para adquirir aquele conhecimento, que haverão riscos, muitos erros e a desistência do propósito passa a ser uma possibilidade. 

Abre-se então o caminho para a próxima fase que é o competente inconsciente, a segurança começa a aparecer, mesmo você não sendo ainda um especialista e entendedor de todo o processo tem uma certa habilidade e falta pouco para conquistar seu objetivo, que no exemplo aqui foi o de obter sua CNH.Seguindo agora para a fase final, que é o ser competente consciente, aqui não há necessidade de esforços para obter os resultados com excelência, como algumas pessoas desistem no meio do caminho nem todos chegam até aqui, prova disso são as CNHs compradas por aí, mas não é esse o tema aqui.

Obviamente o exemplo usado aqui foi só para ilustrar o que acontece em nossa mente em todo processo de aprendizagem e mudança nas nossas vidas, é preciso muito empenho e dedicação em tudo que se dedicar a fazer para chegar na competência consciente.

Eu não sei o que você está aprendendo neste exato momento, mas posso deixar aqui um desafio: que você perceba em qual fase da aprendizagem está e o que te falta para alcançar novas competências afim de realizar seu objetivo. Seja comprometido com seus propósitos e aceite o desafio de ser melhor a cada dia, aprendendo algo novo e mudando de nível.

 

Luciene Afonso

Master Coach

Jornalista e Palestrante

Analista Corporal e comportamental

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

MAIS Primavera Do Leste

Educar é humanizar

Ensinar requer ainda dinamicidade, tanto pelo aspecto lúdico: de diversão e prazer, quanto pelo aspecto da aprendizagem em si, com enfoque à ética

O abismo da vida perfeita

A vida perfeita não existe, eu não sei se já falaram diretamente sobre isso com você, se ainda não, hoje é o dia

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Abaixo reportagens especiais e exclusivas para os assinantes do Jornal O Diário

VANTAGEM

Conheça as vantagens oferecidas no CLUBE DO ASSINANTE DO O DIÁRIO

descontos em medicamentos, mensalidade de academias, compra de óculos, corrida de moto táxi, compra de gás de cozinha e até mesmo na conta do barzinho do final de semana. Esses são alguns dos benefícios oferecidos.

Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz